DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 27/11/2018    62 Visualizações

Temer sanciona reajuste de salário do STF; Fux revoga auxílio-moradia

Com a aprovação do presidente, o ministro do STF Luiz Fux revogou o auxílio-moradia
Compartilhar

O presidente Michel Temer sancionou nesta segunda-feira (26) o reajuste no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O aumento já havia sido aprovado Senado no dia 7 de novembro. Com a sanção de Temer, o valor recebido pelos ministros passará de R$ 33 mil para R$ 39 mil

Com a aprovação do presidente, o ministro do STF Luiz Fux revogou o auxílio-moradia que era pago aos juízes, integrantes do Ministério Público, Defensorias Públicas e tribunais de contas.

A reportagem lembra que o aumento causou polêmica e preocupação na equipe do futuro presidente, Jair Bolsonaro. Isso porque, mesmo que o STF tenha recursos próprios para suportar o novo valor de salário, as consequências podem se estender para outros setores do governo.

O que pode causar esse desequilíbrio nas contas públicas é o chamado "efeito cascata", uma vez que o salário de ministro do Supremo funciona como teto para o serviço público.


FONTE: RenovaMídia






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE