DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 27/11/2018    46 Visualizações

Sem perder há 22 rodadas, Palmeiras pode igualar marca de 1993/94

Compartilhar

Além de garantir o decacampeonato nacional, a vitória diante do Vasco, no último domingo, prolongou a sequência invicta do Palmeiras nesta edição do Campeonato Brasileiro para 22 partidas, uma a menos que a segunda maior série sem derrotas da história do clube na competição.

Entre novembro de 1993 e outubro de 1994, o Verdão somou 23 partidas sem conhecer um resultado negativo. Nesse período, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo obteve 19 vitórias e quatro empates, conquistando o título nacional nas duas temporadas.

A marca será igualada caso o Palmeiras termine a edição de 2018 sem perder para o já rebaixado Vitória, no próximo domingo, às 17 horas (de Brasília), no Allianz Parque, na partida em que marca entrega da taça para os campeões brasileiros de 2018.

A maior série invicta do clube em Brasileiros pertence ao lendário time de 1972/73, conhecido como Segunda Academia, que ficou 26 duelos sem saber o que é perder no torneio nacional. Assim como em 1993/94, o Verdão também foi bicampeão consecutivo nesses anos.

Atualmente, o Palmeiras possui 16 vitórias e seis empates, contabilizando 81,8% de aproveitamento. Desse modo, mesmo que vença o Vitória, não alcançará o aproveitamento da sequência de 93 e 94, que teve 91,4%. Vale ressaltar que na época, a vitória valia apenas dois pontos. Se valesse três, como entrou em vigor no ano seguinte (1995), a conta baixa para 88,4%, ainda assim seguiria inalcançável pelo Palmeiras de 2018.

Na atual temporada, o Verdão já bateu a maior série invicta em pontos corridos, que era do Corinthians de 2017, com 19 partidas, e ultrapassou a sequência do próprio Felipão em 1997 e 1998, quando ficou com 18 jogos sem conhecer uma derrota. No entanto, nas duas edições, a equipe não levantou o caneco, sendo vice-campeão em 97 e caindo nas quartas em 98.


FONTE: Gazeta Esportiva






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE