DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 29/11/2018    164 Visualizações

PRF APREENDE CARRETA COM 38,69 M³ DE MADEIRA IRREGULAR EM ARIQUEMES

Compartilhar

No início da noite desta quarta-feira (28), por volta das 19h, no km 519 da BR-364, na cidade de Ariquemes/RO, uma equipe de policiais rodoviários federais abordou uma carreta SCANIA R 420 A4X2, que era conduzida por um homem de 42 anos.

Conforme o Documento de Origem Florestal (DOF) e a Nota Fiscal, o veículo estava carregado com 38,69 m³ de madeiras serradas de essências variadas. A carga havia sido embarcada no Distrito de Vista Alegre do Abunã, em Porto Velho/RO, e seria levada até Barueri/SP.

Durante a vistoria dos documentos e da carga, os policiais notaram divergências entre a madeira que constava nos documentos e a que, de fato, estava embarcada no veículo. Foram encontrados, na parte da frente da carroceria, escondidos embaixo da madeira serrada, sete “toretes” (toras curtas), de aproximadamente 1 m de comprimento, e três “bolachas” (tronco de árvore cortada em pequenas fatias), os quais não estavam relacionados nos citados documentos.

Outra inconsistência encontrada pelos agentes refere-se à quantidade da madeira serrada. Foi identificada na carga quantidade de metros cúbicos de pranchas e pranchões superior à indicada nos documentos.

Diante das divergências, foi lavrado Termo Circunstanciado de Ocorrência Policial (TCO), pelo crime, em tese, de transporte irregular de madeira (parágrafo único do art. 46, da Lei nº 9.605/98). O motorista foi liberado após assinar Termo de Compromisso para comparecimento ao Juizado Especial Criminal da Comarca de Ariquemes.

Os veículos e a carga de madeira ficaram apreendidos no pátio da PRF à disposição do Poder Judiciário.


FONTE: Assessoria

Aos leitores, ler com atenção

*Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.*







  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE