DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 02/01/2019    324 Visualizações

Bolsonaro coloca demarcação de terras indígenas no Ministério da Agricultura

Medida provisória foi publicada no primeiro dia do governo
Compartilhar

Ministério da Agricultura, coordenado pela deputada Teresa Cristina (DEM-MS), será responsável pela demarcação de terras indígenas e quilombolas, além da definição da Amazônia Legal e das atividades de reforma agrária e regularização fundiária.

 

Durante a campanha, Bolsonaro afirmou que não demarcaria novas terras para indígenas e quilombolas.  No entendimento do presidente, manter os índios nessas localidades é tratá-los como "animais em zoológicos".  

A Constituição prevê que indígenas tenham posse permanente de suas terras demarcadas. Bolsonaro quer que eles possam vender ou arrendar as propriedades. 


FONTE: ZERO HORA






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE