DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 09/01/2019    116 Visualizações

Mais uma: A juíza Hardt já pode sentenciar Lula pelo sítio em Atibaia

Compartilhar

Na segunda-feira (7), às 23h25, faltando 35 minutos para o fim do prazo, foram entregues as últimas alegações finais.

No documento, Ministério Público e réus apresentam memoriais e fazem seus derradeiros apelos à magistrada Gabriela Hardt, que substitui o ex-juiz Sergio Moro.

Às 15h47 desta terça-feira (8), os autos chegaram às mãos da juíza para sentença, segundo consta nas movimentações do processo digital, registra o “Estadão“.

No processo, o presidiário Lula é acusado de receber supostas propinas de R$ 1 milhão das empreiteiras Odebrecht, OAS e Schahin.

O valor corresponde às reformas bancadas pelas empresas no sítio Santa Bárbara, em Atibaia. O imóvel está em nome de Fernando Bittar, filho de Jacob Bittar, ex-prefeito de Campinas e amigo do petista.

Em alegações finais, Lula nega a acusação e afirma ter sido perseguido tanto por Sergio Moro, quando exercia a magistratura, quanto por Gabriela Hardt.


FONTE: Estadão






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE