DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 10/01/2019    129 Visualizações

Maduro dá ultimato de 48h para Grupo de Lima reconhecer sua ditadura

Compartilhar

O ditador Nicolás Maduro ameaçou tomar medidas diplomáticas contra os países que integram o Grupo de Lima, entre eles o Brasil, caso eles não voltem atrás em sua decisão de não reconhecer o novo mandato do venezuelano.

Em discurso na capital Caracas, segundo o “Yahoo“, o ditador Maduro declarou:

Hoje foi entregue a todos os governos do cartel de Lima uma nota de protesto, onde exigimos uma retificação de suas posições sobre a Venezuela em 48 horas ou o governo da Venezuela tomará as mais urgentes medidas diplomáticas.

O ditador da Venezuela não disse quais ações irá tomar contra os países, mas sua capacidade de revidar é bastante limitada porque ele já rompeu relações diplomáticas com a maior parte dos membros do Grupo de Lima.

Maduro disse que considera inaceitável a posição do bloco, que anunciou na última sexta-feira (4) durante um encontro na capital peruana que não reconheceria o novo mandato de Maduro e pediu que ele transferisse seus poderes para a Assembleia Nacional, de maioria opositora.


FONTE: Yahoo






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE