DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 06/04/2019    139 Visualizações

Mais nove presos fogem do complexo penitenciário de Porto Velho

Compartilhar

A população de Porto Velho está em polvorosa com as constantes fugas do sistema penitenciário de Rondônia. Em Porto Velho, na manhã desta sexta-feira,05, outros nove presos fugiram da Penitenciária Ênio Pinheiro. Juntando aos 28 que fugiram na semana passada e os 11 que escaparam no último domingo, já são 48 fugas em menos de um mês, um número que começa a gerar desconfiança na população, principalmente depois de uma greve mal resolvida dos agentes penitenciários e da troca dos policiais militares que faziam a vigilância nas guaritas por câmeras de segurança.

Assim como ocorreu no domingo passado quando 11 presos serraram as grades e deixaram o Ênio Pinheiro, nesta sexta-feira a situação se repetiu e também ninguém tem ideia de como as serras ou ferramentas utilizadas para cortas as grades entraram no presídio. Os presos novamente serraram grades de celas e “ganharam” as ruas da capital pulando o muro da penitenciária.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários de Rondônia (Singeperon) denunciou na quinta-feira (04) que a base da Polícia Militar que fica atrás do presídio Ênio Pinheiro está sucateada e não existem militares trabalhando no local, bem como nas guaritas dos presídios, o que ajuda a coibir e impedir tais fugas.

Dos presos nesta sexta-feira, dois foram recuperados. Somando aos quatro recapturados durante a semana, ainda há 42 apenados circulando pelas ruas de Porto Velho ou da região.


FONTE: Diário da Amazônia

Aos leitores, ler com atenção

*Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.*







  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE