DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 06/07/2019    168 Visualizações

Seis presos serram grade de cela e fogem do Centro de Ressocialização de Ariquemes, RO

Compartilhar
Foto: Jeferson Carlos/G1

Seis detentos fugiram do Centro de Ressocialização de Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, na madrugada desta sexta-feira (5). Conforme os agentes penitenciários, todos os presos cumpriam pena na mesma cela e conseguiram sair após serraram as grades. Esta é a segunda fugaocorrida no presídio nesta semana e a 11ª, desde que a unidade prisional foi inaugurada, em julho de 2017.

Segundo os agentes, a fuga aconteceu por volta das 3h, sete presos da cela B-21 conseguiram serrar as grades e tiveram acesso ao pátio.

Os agentes de plantão perceberam os detentos correndo em direção às grades de proteção e foram ao local para tentar impedir a fuga, mas seis presos conseguiram escalar e pular as cercas, enquanto outro ficou ferido ao pular das grades.

Os seis presos conseguiram correr em direção a mata. A Polícia Militar (PM) realizou buscas pelas proximidades, mas nenhum deles foi encontrado.

 
Seis presos serram grades de cela e fogem do Centro de Ressocialização de Ariquemes, RO — Foto: CRA/DivulgaçãoSeis presos serram grades de cela e fogem do Centro de Ressocialização de Ariquemes, RO — Foto: CRA/Divulgação

Seis presos serram grades de cela e fogem do Centro de Ressocialização de Ariquemes, RO — Foto: CRA/Divulgação

De acordo com os agentes, os presos que fugiram são Alexandro Bispo dos Santos, 22 anos; Douglas Rodrigues da Silva, 28 anos; Emerson da Silva, 28 anos; Roberson Moura Barreto, 30 anos; Rudimarcos Neris Andrade, 36 anos e Thiago Pereira Barros, 30 anos.

 

Detento ferido

 

Durante a tentativa de fuga, Dhiones Costa dos Santos, de 26 anos, sofreu fraturas no braço e perna, ao pular de cima das grades de proteção e foi recapturado pelos agentes. A unidade possui três grades de proteção com concertinas, cada uma com 7 metros de altura.

 
Dhiones Costa quebrou perna e braço na tentativa de fuga, durante a queda de cerca de proteção do presídio.  — Foto: Agentes penitenciários/DivulgaçãoDhiones Costa quebrou perna e braço na tentativa de fuga, durante a queda de cerca de proteção do presídio.  — Foto: Agentes penitenciários/Divulgação

Dhiones Costa quebrou perna e braço na tentativa de fuga, durante a queda de cerca de proteção do presídio. — Foto: Agentes penitenciários/Divulgação

Depois de ser recapturado, o detento foi encaminhado ao Hospital Regional de Ariquemes, para receber os primeiros socorros e deve ser encaminhado para o Hospital João Paulo II, em Porto Velho, onde deve ser atendido por um ortopedista.

Esta seria a segunda fuga de Dhiones Costa dos Santos da unidade prisional. Ele havia fugido na 8ª fuga, registrada em 8 de setembro de 2018, quando 10 detentos da mesma cela fugiram após serrarem as grades. Mas ele foi recapturado dois dias depois, junto com Thiago Pereira Barros, em uma residência no Bairro Feliz Cidade.

 

Histórico de fugas no presídio

 

Esta foi a segunda fuga de presos ocorrida nesta semana no novo presídio e a 11ª registrada desde que a unidade foi inaugurada, no final de julho de 2017. A construção iniciou em 2008, com previsão de ser entregue em 2010, mas só foi concluída sete anos depois. O custo final da obra ficou em R$ 10 milhões.

O presídio está localizado na Linha C-70, a cerca de 15 quilômetros de Ariquemes. Com capacidade para receber até 230 apenados, a unidade atualmente possui cerca de 500 presos, o que equivale a 217% de superlotação.

 

  • 1ª Fuga: no dia 3 de agosto de 2017, uma semana após a unidade ser inaugurada, 11 presos fugiram após serraram as grades de duas celas.
  • 2ª Fuga: no dia 17 de agosto de 2017, outros dois presos fugiram da unidade.
  • 3ª Fuga: no dia 24 de setembro de 2017, mais 15 presos da mesma cela fugiram.
  • 4ª Fuga: no dia 11 de outubro de 2017, quatro detentos fugiram.
  • 5ª Fuga: no dia 22 de novembro de 2017, mais sete presos serraram a grade da cela e fugiram da penitenciária.
  • 6ª Fuga: no dia 8 de maio de 2018, oito apenados que estavam na cela B2 fugiram após escalar e pular as três cercas de proteção da unidade prisional.
  • 7ª Fuga: no dia 6 de agosto de 2018, quando quatro detentosaproveitaram o momento em que água estava sendo distribuída aos presos para fugir.
  • 8ª Fuga: no dia 8 de setembro de 2018, 10 presos que estavam na mesma cela fugiram depois de serrarem a grade.
  • 9ª Fuga: no dia 17 de setembro de 2018, cinco detentos da cela B2 conseguiram fugir depois de serrar a grade da cela, ter acesso à área externa e pular as grades de proteção.
  • 10ª Fuga: no dia 2 de julho de 2019, dois detentos se esconderam em um bueiro durante o banho de sol na quadra da unidade e não retornaram para as celas com os demais presos. Eles conseguiram acesso ao pátio, depois de usarem um corda feita com lençóis, jogada pelos outros presos, pularam o pavilhão e fugiram ao pularem as grades.

FONTE: G1 Ariquemes e Vale do Jamari

Aos leitores, ler com atenção

*Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.*







  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE