DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 09/08/2019    775 Visualizações

MAIS UMA OBRA TRANSFORMADA EM “ELEFANTE BRANCO” NA CIDADE DE BURITIS

A obra fica no loteamento Alfavile, um dos motivos também de críticas por causa da localização, que é de difícil acesso e sem segurança.
Compartilhar
A obra fica no loteamento Alfavile, um dos motivos também de críticas por causa da localização, que é de difícil acesso e sem segurança.

Um local que deveria ser para prática de esporte e eventos culturais, se tornando motivo de alegria para as pessoas, tornou-se motivo de criticas da parte da população e vergonha, é claro da parte do poder público - responsável pela execução da dita obra do único Ginásio Poliesportivo do município.

A obra fica no loteamento Alfavile, um dos motivos também de críticas por causa da localização, que é de difícil acesso e sem segurança.  

De frente a obra, se encontram duas placas, a mais antiga está escrito que, a primeira etapa da obra teve início em janeiro de 2016 e término em julho do mesmo ano, no valor de R$ 456.981,11 (Quatrocentos e Cinquenta e Seis Mil e onze Centavos). Recurso do Ministério do Esporte, através da Caixa. Numa outra placa, existem informações de R$ 390.651,79 (Trezentos e Noventa Mil Reais e Setenta e Nove Centavos), para construção da segunda etapa, com início em janeiros de 2018 e término em julho do mesmo ano.

Contado do iniciou até o presente momento, já se vão para 04 anos.

A TBN esteve na prefeitura e conversou com o Secretário de Planejamento do Município, o senhor Jean de Almeida, que relatou: “a empresa ganhadora da licitação da segunda etapa (Almeida & Nery Comércios e Serviços Ltda) não cumpriu com termos contratuais e consequentemente não conseguiu executar o serviço, e a partir de então, houve a demora devido à burocracia para desfazer aquele contrato”. Mas segundo ele, já foi realizado outro processo licitatório e outra empresa já foi contratada para realizar a segunda etapa. “A obra será retomada em breve”. Disse Jean de Almeida, sem estipular data.

VIDEO


FONTE: TBN Noticias






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE