DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 28/08/2019    306 Visualizações

18 marcas internacionais suspendem compra de couro do Brasil

A campanha de desinformação sobre as queimadas na Amazônia já começa a afetar a economia brasileira.
Compartilhar

Marcas internacionais suspenderam a compra de couro do Brasil com base na campanha de desinformação sobre as queimadas na Amazônia.

As informações foram confirmadas pela CICB (Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil) e enviadas ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, nesta terça-feira (27).

O presidente da CICB, José Fernando Bello, declarou:

“Recentemente, recebemos com muita preocupação o comunicado de suspensão de compras de couros a partir do Brasil de alguns dos principais importadores mundiais. Este cancelamento foi justificado em função de notícias relacionando queimadas na região amazônica ao agronegócio do país.”

 

Entre as marcas que já solicitaram a suspensão de compra de couro do Brasil estão Timberland, Dickies, Kipling, Vans, Kodiak, Terra, Walls, Workrite, Eagle Creek, Eastpack, JanSport, The North Face, Napapijri, Bulwark, Altra, Icebreaker, Smartwoll e Horace Small.


FONTE: Folha






  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE