DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 28/12/2019    443 Visualizações

Fazendeiro tem animais furtados e casa vandalizada na área rural de Machadinho D'Oeste, RO

Responsáveis pela ação criminosa ainda teriam jogado diesel na carne, atirado em diversos objetos e danificado uma moto.
Compartilhar

Um fazendeiro teve a propriedade invadida e vandalizada, além de ter alguns animais furtados, na noite da última quinta-feira (26) na zona rural de Machadinho D'Oeste (RO), distante cerca de 300 quilômetros de Porto Velho.

Segundo o boletim de ocorrência, o proprietário do terreno, um homem de 40 anos, informou à Polícia Militar (PM) que logo que chegou na fazenda se deparou com diversos sinais de vandalismo, tentativa de incêndio e marcas de tiro espalhados pelo local.

 
Marcas de tiro foram encontradas em diversos locais da fazenda — Foto: Divulgação

Marcas de tiro foram encontradas em diversos locais da fazenda — Foto: Divulgação

 

No chão da residência, segundo a vítima, havia uma mensagem para "soltar o gado" e o arame da cerca havia sido cortado em vários pontos, assim como as celas dos animais.

O fazendeiro contou ainda que encontrou pedaços de carneiro e vísceras espalhadas pelo pasto, e que os cavalos e as mulas haviam sido furtados. Os responsáveis pelo crime ainda teriam danificado uma motocicleta e jogado óleo diesel na casa do caseiro e em alimentos, inclusive na carne.

 
Fazendeiro se deparou com pedaços de animais espalhados pelo pasto — Foto: Divulgação

Fazendeiro se deparou com pedaços de animais espalhados pelo pasto — Foto: Divulgação

Quando os policiais se dirigiam a fazenda, encontraram no caminho uma vala cruzando a via e uma árvore atravessada na estrada, colocada no local com a intenção de dificultar o acesso da viatura. O caso foi registrado na delegacia de Polícia Civil e é investigado.

 


FONTE: G1/RO

Aos leitores, ler com atenção

*Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.*







  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE