DETALHES DA NOTÍCIA


Publicado em 07/01/2020    288 Visualizações

Polícia Civil liberta carreteiro e recupera caminhão que seria levada para Bolívia

Dois suspeitos foram presos em flagrante
Compartilhar

Agentes de Polícia Civil lotados no Núcleo Integrado de Inteligência de Fronteira, atuando em combate aos crimes da faixa de fronteira, em Nova Mamoré, recuperaram uma carreta roubada e soltaram o motorista que estava sendo feito como refém. Dois suspeitos foram presos. O veículo estava sendo negociado para ser levado para o lado boliviano.

De acordo com informações da Polícia Civil, a ação se deu quando os policiais observaram o veículo, próximo ao Posto Atem, tendo três ocupantes em seu interior e um deles saia e entrava olhando para os lados, em atitude suspeita. E ao aproximarem do veículo, um dos suspeitos ao ser entrevistado, entrou em contradição, acerca de sua conduta. Em seguida, foi solicitado que os outros dois ocupantes saíssem da carreta, sendo que ambos não atendiam a ordem de saída, ato em que ambas as portas foram abertas bruscamente pela equipe e o condutor (vítima), muito nervoso e lagrimando, disse ser o dono do veículo, mas dizia que não queria contar nada aos policiais. O terceiro ocupante, quando entrevistado isoladamente, confirmou que os três, de fato, ocupavam o veículo e mudava de versão a todo o instante.

Ainda de acordo com a polícia, a vítima foi separada dos demais e apenas chorava, dizendo que não queria contar nada por receio de algum familiar ser morto. Uma equipe da Polícia Civil daquela localidade constatou que os familiares do condutor não sofriam qualquer ameaça.

Um dos suspeitos acabou confessando que na noite de domingo (05), por volta das 19 horas, ele e seu comparsa, de posse de um arma de fogo em punho, se aproximaram de dois carreteiros que estavam em um posto de combustíveis em Nova Califórnia-RO, e anunciaram o assalto e levaram uma das carretas, tendo sido mantidos no veículo a vítima e o proprietário da segunda carreta, sob ameaça de arma de fogo, sendo esse segundo carreteiro foi largado no eixo da BR-364, próximo ao Distrito de Extrema e, ainda com a vítima (dono da carreta) em poder dos conduzidos, se deslocaram Nova Mamoré, onde passou a negociar com pessoa que não quis identificar, mas apenas contou que se tratava de um boliviano.

Os policiais deram voz de prisão aos dois suspeitos identificados como Ronaldo e Altair. Foram encontrados com os ladrões, um revólver calibre 38, série 1117306, com 05 (cinco) munições intactas em seu tambor.
Todos foram conduzidos a delegacia para que fossem tomadas as medidas cabíveis.


FONTE: JORNAL RONDONIAVIP

Aos leitores, ler com atenção

*Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.*







  • COMENTÁRIOS DO FACEBOOK

    PUBLICIDADE