NOVA VARIANTE: Governo ainda não definiu se irá fechar fronteiras com o Amazonas

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
A Fiocruz Amazônia, encontrou uma nova variante do coronavírus em uma paciente de Manaus (AM). A mesma variante foi encontrada também no Japão, após passageiros do país passarem pelo estado brasileiro.
O Governador do Pará anunciou na última quarta-feira (13), que irá fechar a fronteira com o Amazonas, devido a variante encontrada.
Em Rondônia, diariamente pessoas do AM chegam ao Estado de barco, ônibus e avião. Mas as barreiras sanitárias que eram feitas pela Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), não estão sendo realizadas nas fronteiras que ligam Porto Velho ao Amazonas.
Segundo a Agevisa, o encerramento das barreiras se deu após a capital progredir para a fase 3, lá no ano passado, quando os números de casos começaram a cair.
Ainda segundo a agência, o objetivo das barreiras era monitorar os passageiros que desembarcavam e orientar sobre sintomas da covid e ainda informar sobre a importância do isolamento após chegarem de viagem.
Realização de barreiras sanitárias no Porto do Cai N’Água, em Porto Velho
Nesta sexta-feira (15), a Sala de Situação de Covid-19 de Rondônia deve se reunir para definir se as barreiras voltarão e até mesmo se o Estado vai fechar as fronteiras que ligam a capital ao estado do Amazonas.
De acordo com a Infraero, 13 voos semanais ligam Porto Velho a Manaus.
FONTE:João Vitor Muniz/Rondoniaovivo
final materia 1 Irene
final materia

Deixe um comentário

Auto Eletrica do Indio
Da costa Notícias
prime
Paiva Veículos Notícias
Moveis Paraná

Posts Relacionados