Onça-preta rara é flagrada tomando banho em rio de Rondônia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Uma onça-preta foi flagrada tomando banho no encontro dos rios Candeias e Jamari, zona rural da região de Porto Velho, durante o último fim de semana. A Panthera onca de cor preta é considerada rara na natureza.

O clique raro da onça foi feito pelo administrador Santiago Pereira, de 28 anos. Ele conta que no fim de semana foi ao rio com um amigo, para pescar, quando em determinado momento eles perceberam o felino na margem.

“A gente estava no barco e ela apareceu bem próxima, tomando banho no rio. Deu somente para tirar essa foto, pois ela foi muito rápida e, ao ver a gente, saiu correndo da água e entrou na mata bem na hora que eu iria fazer aquela selfie”, brinca Santiago.

Ao G1, o administrador afirma ter sido a primeira vez que ele viu pessoalmente uma onça e ficou mais encantado por ela ser preta.

“Eu achei super interessante, pois onça-preta em Rondônia é coisa rara. Se eu pudesse preservá-la, com certeza preservaria”, diz.

Depois do flagrante, Santiago falou com moradores vizinhos e descobriu que a onça-preta já foi vista outras vezes na região.

“A onça já é muito conhecida pelos moradores locais, no entanto, alegam que ela é mansa”, afirma.

Segundo o administrador, ele e o amigo só ficaram receosos na volta para casa, depois do aparecimento do felino.

“O receio era da onça vir acompanhando a gente na volta (já de noite), pois teríamos que atravessar uma pequena mata para chegar onde estava nossa moto”, conta.

Espécie rara

A panthera onca de cor preta é considerada super rara na natureza, de acordo com o biólogo Flávio Terassini.

“Eu confesso que até hoje, em 20 anos de pesquisa na Amazônia, eu já vi mais de dez onças-pintadas e vi apenas uma onça-preta na floresta. Uma onça dessa é algo que não se vê todos os dia”, revela.
Terassini explicou ainda que a onça-preta, na verdade, é uma onça-pintada com uma disfunção genética (excesso de melanina).

“Aí a pigmentação do pelo fica preta, mas se a gente olhar a onça contra o sol dá pra ver as pintas dela. As pintas na verdade são pretas, ou seja, aquela plumagem que seria amarela também é preta. Por isso a gente chama de onça-preta. A espécie dela é a Panthera onca. Um bicho bem raro de se ver e muito bonito por sinal”, explica o biólogo.

Flávio Terassini também explicou que as onças-pretas só são vistas em área de floresta primária e bem preservada.

“Significa que aquela área do baixo Madeira em Porto Velho está extremamente preservada, uma área com muita oferta de alimento para a onça-preta. Isso é muito legal, saber dessa preservação”, diz.

 

 

Fonte:G1/RO

final materia

Deixe um comentário

da costa 2
deputados fotos
anuncio
anuncio 2
da costa

Posts Relacionados