Operação de combate à crimes ambientais é realizada em terra indígena

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Uma operação de combate a crimes ambientais em terras indígenas foi realizada na sexta-feira (25) e sábado (26) pela Polícia Federal. A ação aconteceu na TI Rio Mequéns, localizada em Alto Alegre dos Parecis (RO). Seis pessoas foram detidas.

Juntamente com Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e Fundação Nacional do Índio (Funai), a PF localizou e inutilizou equipamento usados na exploração ilegal de florestas e extração de madeiras nobres.

Segundo a polícia, além de caminhões e tratores, foram encontradas três serrarias clandestinas instaladas dentro da TI, onde era feito o beneficiamento de parte da madeira extraída. Em uma dessas serrarias, havia mais de 4 mil m³ de madeira, segundo estimativa do Ibama.

Operações em terra indígena

Esta semana a Operação Crassa também foi realizada para o combate à extração ilegal de diamantes da Terra Indígena Roosrevelt, em Espigão do Oeste (RO). Anteriormente, uma outra ação havia sido deflagrada para o combate a extração ilegal de madeira na TI Tubarão Latundê, em Chupinguaia (RO).

A PF informou que as investigações continuam sendo realizadas com o objetivo de identificar os criminosos. Denúncias de crimes ambientais podem ser feitas pelo (69) 3216-6225.

 

 

Operação de combate à crimes ambientais é realizada em terra indígena

 

 

 

Fonte:G1/RO

final materia

Deixe um comentário

pbrindes
da costa 2
deputados fotos
anuncio
anuncio 2
anuncio 3
da costa

Posts Relacionados