ENQUETE: 95% dos internautas são contra perdão de divida bilionária da Energisa em RO

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Nesta última segunda-feira (13) o jornal Rondoniaovivo através de sua página no Facebook disponibilizou uma enquete aos internautas onde questiona se eles são a favor do Projeto de Lei, de autoria do Executivo Estadual, que visa perdoar aproximadamente R$ 2 bilhões em dividas da Energisa com o povo de Rondônia.

 

Participaram da enquete 4.549 internautas que forma expressiva mostraram o posicionamento do cidadão rondoniense sobre esse tema. Ao total, 95% (4.300) afirmaram serem contra a anistia da dívida, outros 5% (249) concordam com o perdão bilionário.

Comunidade indignada

 

A enquete teve um alcance de aproximadamente 50 mil internautas e contou com mais de 350 comentários, que assim como seu resultado, foram em sua grande maioria de protesto contra as ações da empresa desde que assumiram o controle da antiga estatal de distribuição de energia, CERON.

 

“Bom se eles baixarem a energia em 99% não vejo problema algum, vou recorrer ao governo para vê se eles perdoam meus talões são apenas dois”, disse o internauta Márcio Jesus.

 

Para a internauta Nara Oliveira, a Energisa não é boa em perdoar: “Nunca perdoaram um real de dívida de um cidadão comum, titular de CPF. Dou totalmente contra. Ou perdoa a dívida de todo mundo, todas as empresas ou não perdoa dívida nenhum”, disse

Mobilizações

 

O perdão da dívida da Energisa segue nas mãos dos deputados estaduais, que já sinalizaram serem contrários a esse projeto que pode ser sancionado pelo Governador Marcos Rocha.

 

A péssima repercussão desse projeto em ano eleitoral pode colocar a perder o trabalho de alianças politicas, uma vez que a comunidade já se mostrou pronta para rechaçar nas urnas uma possível anistia da dívida bilionária.

 

Confira enquete:

 

 

 

FONTE : Rondoniaovivo – João Paulo Prudêncio

final materia

Deixe um comentário

da costa 2
deputados fotos
anuncio
anuncio 2
da costa

Posts Relacionados